ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL E SUPORTE TÉCNICO

Veja como é fácil utilizar nossos testes: 1 droga - mult 2 - mult 5 ou 12 drogas

      Nosso Suporte ao Cliente é o maior diferencial de Valor Agregado aos Nossos Produtos

Para suporte técnico: suporte@testedrogas.com.br - (11) 4836-9488 / 4063-3468 |  99542-1933 Plantão

Suporte e orientação profissional: 11 99542-1933

Atendimento TODOS OS DIAS, incluindo aos finais de semana e feriados

Confira as perguntas frequentes em relação aos exames toxicológicos.

1 - Por que realizar um exame-rápido de drogas através da urina?

O exame-rápido de drogas através da urina é o único exame que consegue em curto período de tempo dar resultado qualitativo para o uso de drogas, possibilitando um controle sobre o problema de drogas no ambiente familiar, evitando acidentes de trabalho por funcionários embriagados, e atuando como ferramenta de monitoramento dentro do processo de tratamento da dependência química, na ressocialização de pacientes e principalmente na PREVENÇÃO do uso ou abuso de drogas.

2 - Que drogas são detectadas?

Há uma grande diversidade de drogas que podem ser detectadas com estes exames, são comercializados exames individuais que detectam apenas uma droga, seriam estas drogas COC (Cocaína/Crack), THC (Maconha/Haxixe) e AMP (Anfetamina), podem ser adquiridos também exames individuais capazes de detectarem 2 (duas) drogas simultaneamente, seriam estas drogas COC e THC, 5(Cinco) drogas, que são COC, THC, AMP, BZO e MOP (Morfina/Opiaceos), e por fim exames capazes de detectar 12 drogas, que são COC, THC, AMP, MET, BZD, MOR, BAR, MTD, MDMA, TCA, OPI (Opiáceos) e PCP (Fenciclidina).

3 - Como são utilizados estes exames?

 Já os exames no formato de tira e card ou pente, são realizados de maneira a serem “mergulhados”, até a marca indicada no dispositivo, na urina, por 10 segundos aproximadamente, após esse procedimento, o mesmo deve ser retirado do contato com a urina e devem ser posicionados em local plano, horizontal e não aderente, com a face desenhada voltada para cima, deve-se aguardar de 5 a 10 minutos e realizar a leitura do resultado, que procede da mesma maneira resumida, apareceu a banda colorida na região “T” e “C” significa negativo, apareceu a banda colorida apenas na região “C” significa positivo.

4 - Posso interpretar o resultado do teste após os 10 minutos?

Não indicamos a leitura do resultado após este período. Como se tratam de reações é exigido à interpretação dos resultados em até 10 minutos, pois este teste não tem substância adicional que vá bloquear a reação após os 10 minutos e impedir que a mesma ocorra para a fixação do resultado no teste, sendo assim, a reação continuara ocorrendo pelo tempo em que o teste existir, podendo assim ter seu resultado alterado após certo tempo.

5 - O que significa a banda “T” ter ficado com uma coloração fraca no momento da leitura?

Este teste é classificado como qualitativo, portanto ele diz apenas se há presença de metabólitos da droga na urina ou não, portanto se a banda “T” aparecer corada sempre vai significar resultado negativo independentemente da tonalidade da coloração. O que ocorre é que existem alguns fatores que podem variar a coloração de pessoa para pessoa, como por exemplo, a turbidez da urina ou o pH, mas isso não significa que a pessoa tenha usado pouca ou muita droga, pois como já citado o resultado é qualitativo e não quantitativo.

6 - O que significa a região do “C”?

O “C” é o controle de qualidade do produto, essa banda sempre deve aparecer corada, pois determina que o teste está dentro dos padrões de qualidade dele, e que realmente está analisando o que foi proposto.

7 - O que acontece se a banda “C” não aparecer corada?

Caso a banda “C” não apareça corada, deve-se entrar em contato conosco, informando o lote do produto, para realização da troca do produto, pois o teste está inválido, ou seja, ocorreu algum problema relacionado à fabricação do mesmo.

8 - Uma vez que o teste já possui um controle de qualidade através da banda “C” eu preciso me preocupar com a validade do mesmo?

Sim, a validade é um fator muito importante que deve ser respeitada, sempre antes de utilizar um teste deve-se observar a validade do produto, pois é garantido a qualidade e os resultados do produto até quando a validade indicar, mesmo que a banda “C” continue aparecendo após vencimento da validade.

9 - Devo me preocupar com o armazenamento do produto?

Sim, é indicado que o produto seja armazenado em temperaturas que variem entre 2° e 30°C, em local limpo e que permaneça lacrado até o momento de sua utilização, de modo que a umidade do ar, quando em contato direto com o teste em tempo prolongado pode prejudicar seu desempenho.

10 - Posso colocar mais do que 3 gotas no exame do formato cassete?

Não. Este teste é programado conforme qualquer outro teste realizado em laboratório, ou seja, ele exige precisão para resultados confiáveis, portanto, caso o fluxo de amostra aplicada seja maior do que o indicado, pode ocorrer prejuízo nas reações que proporcionam o resultado do teste e consequentemente pode causar erro no resultado.

11 - Posso mergulhar o exame inteiro na urina?

Não, os produtos devem ter suas características respeitadas, de maneira que caso ocorra um fluxo maior ou menor de amostra, ou a amostra atinja uma região do teste na qual não foi programado, o teste pode não produzir suas reações conforme previsto e proporcionar resultados errados ou borrados.

12 - Qual o nome do método utilizado neste exame?

Imunocromatografia.

13 - Por quanto tempo é detectada a droga na urina através deste método?

Quando a pessoa utiliza uma droga, tanto por via oral, cutânea, injetada, inalada ou fumada, a droga ao entrar no organismo da pessoa, passa por um processo chamado de metabolização, este processo funciona de maneira que a droga dentro do corpo é “utilizada” pelas células que possuem os receptores específicos para a droga, causando um efeito, esta “utilização” de droga pelas células acaba por gerar “restos” ou metabólitos, e estes metabólitos, que podem ser tanto a droga degradada, como a droga completa, são eliminados do organismo do indivíduo na forma de urina, portanto, este processo todo tem um tempo determinado de acordo com a quantidade de droga utilizada, a frequência do uso, e o tipo de droga, uma vez que o THC encontrado na maconha tem maior afinidade por gorduras e demora mais para ser eliminado por completo do corpo, é estimado que para um uso em baixa quantidade a chamada janela de detecção (tempo em que a droga pode ser detectada na urina) seja de até 6 dias.

14 - A janela de detecção é a mesma em todos os casos?

Não, existem variações deste período de detecção conforme algumas características do uso, da droga e da pessoa que esta sendo examinada.

15 - Que características são essas?

Devem-se levar em consideração os seguintes fatores:
- Quantidade de uso da droga: quanto mais droga for utilizada maior o tempo de detecção.
- Freqüência do uso da droga: quanto maior freqüência maior o período de detecção.
- Concentração da droga utilizada: quanto mais misturada a droga, menor o tempo de detecção.
- Fatores fisiológicos: Metabolismos rápidos, hiper sudorese e incontinência urinária são exemplos de fatores fisiológicos que diminuem a janela de detecção.

16 - Posso coletar a urina do vaso sanitário?

Não, é ideal que a urina bruta (sem nenhuma mistura ou diluição) seja analisada pelo exame.

17 - Preciso tomar algum cuidado com a coleta?

Sim, a coleta vai garantir a confiabilidade do seu resultado, de modo que é necessário inicialmente para coletar, recipiente limpo, para que não haja mistura da urina com qualquer outra substância. Além disso, é orientada a realização de coleta assistida, ou seja, uma pessoa habilitada para assistir a coleta de urina da pessoa testada, prezando pelos padrões de ética nessa ocasião, este procedimento tem por finalidade garantir que a amostra cedida é realmente da pessoa testada. Não se deve acrescentar nenhuma substância à amostra, nem diluí-la em água.

18 - O que devo fazer com a urina após a realização do exame?

Após o exame é aconselhável o congelamento de parte da urina que foi testada (somente para os casos positivos), com a finalidade de realização de contraprova, caso necessário, uma vez que devido a variação da janela de detecção o exame de uma nova urina pode não ter o mesmo resultado do anterior.

19 - Posso usar outra amostra biológica, que não a urina para a obtenção do resultado?

Não, o exame-rápido para detecção de drogas através da urina, não realiza a detecção de drogas através de outro material biológico, para pessoas que queiram metodologias que empreguem amostras diferentes, deve-se entrar em contato para a disponibilidade de testes de cabelo, saliva e suor, que também são comercializados.

20 - Este exame é confiável?

Sim, este exame passa por rigoroso sistema de qualidade para que possa ser comercializado, apesar de ser um exame classificado como de triagem, para intervenção rápida, ou seja, caso positivo, pode ser realizado exame confirmatório pelos métodos GC/MS. O teste apresenta confiabilidade que varia entre 95% a ?99%.

21 - O Instituto Alerta realiza os exames confirmatórios?

Não, possuímos parceria com laboratórios que realizam estes exames, quando há necessidade, mas para este intermédio, bem como para realização do exame é cobrada taxa adicional.

22 - Qual a sensibilidade dos exames?

A sensibilidade varia dependendo da droga que será pesquisada, mas todos os exames possuem sensibilidade determinada por órgãos internacionais. Exemplo: é considerada uma amostra positiva para COC, quando for identificada quantidade a partir de 300ng/mL da droga na amostra de urina.

23 - Qual a vantagem do exame-rápido de urina sob os demais?

Resultado em menor tempo possível, possibilitando uma intervenção imediata, amostra biológica com coleta indolor (exceto casos de pessoas com problemas renais), possibilita monitoramento aleatório, pois pode ser realizado a qualquer momento além de o teste possuir preço acessível.

 © Copyright 2013